Receba novidades - cadastre seu E-MAIL

sexta-feira, 9 de maio de 2014

O Ensino da Arte na Escola - Possibilidades

O ensino da arte na escola – Possibilidades



A Arte, nas suas mais diferentes produções, retratou a história desde as mais antigas civilizações. A criação artística é um acontecimento que esteve sempre presente para o ser humano. 

A arte tem diferentes funções: arte como mercadoria, arte como forma de conhecimento e arte como criação.
a)    Arte como mercadoria, está vinculada e atende a interesses específicos de diferentes grupos sociais.
b)    Arte como conhecimento, consiste em representar a interpretação da realidade.
c)    Arte como criação, busca resgatar a relação entre o artista e sua obra de arte, de forma que ele se espelha nos acontecimentos ou na sua imaginação para criar.
Outras pessoas poderão dialogar com a obra do artista dando a própria interpretação e podem surgir inúmeras interpretações diferentes.



Por meio do ensino da Arte o sujeito torna-se consciente de sua existência social, e nesta direção, justifica-se o ensino da arte nas escolas.

Durante muitos anos o ensino da arte nas escolas era entendido como uma atividade utilizada como recurso para: decorar a escola nos eventos e festividades, oportunizar momentos de recreação e realizar atividades seguindo um modelo ou molde.

Hoje o ensino de arte procura fazer com que os alunos se tornem sensíveis às produções artísticas, que produzam arte de forma própria e que entendam que a arte possibilita diferentes formas de ver e sentir o mundo.

É muito importante que o ser humano, desde os primeiros anos de vida, tenha contato com desenhos, pinturas, esculturas, músicas, danças, teatro, isto é, com a arte nas suas diferentes linguagens. Já na escola, o contato com ela, além de ser conhecimento, também é fonte de inspiração para a expressão da criança.



Aos poucos, as crianças, vão se familiarizando com as cores, com as linhas, as formas, os sons, os movimentos, as improvisações teatrais, enfim, com os conteúdos das artes plásticas e visuais, música, teatro e dança e, com esse conhecimento, com essa alimentação estética, sonora, visual e interpretativa, as crianças estão aptas a realizarem suas próprias criações artísticas.

O professor é peça chave para o desenvolvimento artístico dos seus alunos. É ele que os desafiará a pesquisarem sobre o tema proposto, dará pistas, sugerirá materiais e técnicas e sistematizará junto com eles o que foi aprendido.

Os alunos poderão se expressar de “n” maneiras, sempre contextualizando o tema inicialmente, se expressando criativamente e apreciando as produções de artistas famosos e dos próprios colegas (fruição).



Sugiro alguns temas:
1)    Atividades de releituras com obras de arte (pinturas ou esculturas).
2)    Datas comemorativas, sempre exaltando a reflexão sobre a história da data e os valores que ela traz.
3)    Projetos de arte educação: Moradia, Fábulas, Contos de Fadas, Lendas, Meio Ambiente, Meios de transportes, Animais, entre outros.
4)    Resgate das brincadeiras e dos brinquedos infantis.
5)    Histórias em Quadrinhos.
6)    Teatro de fantoches.
7)    Teatro de sombras.
8)    A dança como forma de expressão.
9)    Improvisação teatral – Temas variados.
10) Os movimentos musicais e os instrumentos, entre outros.



Sugiro algumas técnicas nas Artes Plásticas:
1)    Recorte e colagem: tesoura ou com as mãos (rasgação)
2)    Atividades com texturas
3)    Montagens tridimensionais (sucata)
4)    Impressão com barbantes, carimbos com EVA, legumes, etc.
5)    Origami e Kirigami
6)    Montagem de painéis, HQ ou confecção de fantoches
7)    Pintura com luz e sombra.
8)    Pintura com estilo impressionista.
9)    Pintura chapada com contornos.
10) Atividades com monocromia e policromia, entre outras.



Papéis "Ecocores Textura" da Novaprint


Materiais da linha escolar da Acrilex


Sugiro alguns materiais nas Artes Plásticas:
1) Bases para pintura: tela, papel gramatura 180 a 300, bandejas de isopor, cartolinas,tampas de pizza, etc.
2)    Lápis de cor e Lápis de cor aquarelável
3)    Giz de cera, giz de Cera triangular e Meu 1º giz da Acrilex
4)    Colas: branca, Cola Glytter, Crystal cola (relevo), Cola de EVA e isopor.
5)    Papéis: cartolina, Ecocores 21 cores, Ecocores Textura, Ecocores Papel que se Dobra, papelão Paraná, papel seda, papel cardset, papel espelho e outros.
6)    Massas de modelar, Papel machê, Argila, Biscuit, Massinhas Soft, etc.
7)    Sucatas: CDs, sucatas, caixas de papelão, garrafas PET...
8)    Tintas guache, Guache Glitter e Metálico, Acrílicas, Confetti, Mosaico, etc.
9)    TNT e tecidos, etc
10) EVA, entre outros

Obs: Sugiro o trabalho com materiais das Tintas Acrilex e Papéis Novaprint por terem certificação de qualidade e toxidade, produzirem ótimos resultados e serem fáceis de encontrar.



Escola é lugar de aprendizagem. Diversifique as atividades, instigue seus alunos a refletir, pensar, criar, nunca copiar!!!!!

          

           
Ivete Raffa
Arte educadora e pedagoga


Nenhum comentário:

Postar um comentário