Receba novidades - cadastre seu E-MAIL

Arte nas Escolas

Postagem 12 - Arte na Escola - Prof. Simone Citadin - Tubarão - SC

Arte na escola

Atividades desenvolvidas pela professora Simone Citadin de Tubarão - SC na escola EEB Catequista Joana Pendica com os 3ºs, 4ºs e 5ºs anos.

Atividades: Criações inspiradas no Manual para Educadores da Acrilex vol 07- Lygia Clark e Beatriz Milhazes.











Ivete Raffa
Arte educadora e pedagoga
Formação de professores e Livros pedagógicos


Postagem 11 - "Festa da Família" - Escola Bilboquê - Unidade Gutierrez - Belo Horizonte - MG

Prof. Jacqueline Antunes - Artes.









Objetivo: Trabalhar  a amizade, amor e carinho através de atividade artística onde participaram pais e alunos.

Material: papel color set e Ecocores 21 cores (Novaprint), revistas coloridas, tesouras, cola branca e giz branco.

Modo de fazer: 
a) Oriente os pais para juntarem várias folhas de papel colorset (base dos painéis). Cole uma lateral de uma folha na outra... vá juntado até formar o painel.
b) Junte crianças, pais, tios, primos em volta de cada painel. Peça que desenhem linhas que representem o amor, a alegria, amizade e outros sentimentos que existem dentro das famílias. Use giz branco.
c) Distribua papel Ecocores 21 cores e revistas coloridas para as famílias. Peça que cortem formas pequenas: quadrados, círculos, triângulos e retângulos.
d) Oriente-os para que colem os papéis sobre as linhas.
e) Recorte flores nos papéis com cortadores Toque e Crie e cole sobre o trabalho.
f) Decore CDs, cole no trabalho (miolo das flores). Cole papéis em volta pra fazer como pétalas das flores.
g) Ao terminarem, exponha os painéis pra que todos da escola vejam.

Ivete Raffa
Arte educadora e pedagoga
Formação de professores e Livros pedagógicos


Postagem 10 - "Matrioska" - Escola Municipal Prof. Olivia Nogueira - S. José dos Pinhais - PR

Prof. Tatiana Socreppa da Cunha (Artes) e Antonio Fernando Araújo (Ed. Física).



Projeto Matrioska – Atividade para o dia das Mães

Matrioska é um brinquedo artesanal, tradicional da Rússia.

Também conhecida como “boneca russa”, a matrioska é caracterizada por reunir uma série de bonecas de tamanhos variados que são colocadas umas dentro das outras.

De acordo com a cultura russa, as matrioskas simbolizam a ideia da maternidade, fertilidade, amor e amizade. O fato de uma boneca sair de dentro de outra maior representa o ato do parto, quando a mãe dá à luz a sua filha e, consequentemente, a filha dá à luz a outra criança, e assim sucessivamente. 

Para os russos, presentear alguém com uma matrioska é um sinal de grande afeto e desejo de vida longa e feliz. As matrioskas são tradicionalmente feitas de madeira e em formato cilíndrico. As feições e características das bonecas são detalhadas através da pintura manual.

Por norma, as matrioskas podem abrigar entre 6 e 7 bonecas de diferentes tamanhos, sendo que a menor fica no interior de todas e, ao contrário das outras, não possui uma abertura na sua estrutura.

Originalmente, as matrioskas surgiram no Japão, mas acabaram por ser incorporadas à cultura russa. Aliás, o nome “matrioska” foi escolhido como uma tentativa de adaptar a boneca originalmente japonesa à cultura russa, sendo que durante o final do século XIX a maioria das meninas russas se chamavam Matriona.



Atualmente, as matrioskas representam um dos principais objetos artesanais da cultura russa. A importância das bonecas russas é tão grande que em 2001 foi inaugurado o Museu da Matrioska, em Moscou.

Este projeto foi desenvolvido na ESCOLA MUNICIPAL PROFESSORA OLIVIA NOGUEIRA de São José dos Pinhais – PR pelos professores de Arte e Ed. Física, em Maio deste ano.

Os alunos curiosos com o simbolismo da boneca Matrioska sobre a maternidade, buscaram informações na internet a respeito de sua origem, significado e relação dentro da cultura do povo russo. Foi usada uma boneca para se contar a história aos alunos junto com as imagens do livro “Matrioska” de Dimiter Inkiow, traduzido pela prof. Tatiana.

A partir daí os alunos do 1º ao 5º anos elaboraram lembranças para o Dia das Mães: pintura em papel sulfite, colado em rolinhos de papel higiênico, dobraduras das matrioskas e corações e uma peça teatral apresentando a história.

Peça teatral: Matrioska conta a história da boneca criada a partir do tronco de madeira encontrado pelo mestre fabricante de bonecas. Assim surgem Trioska e Oska. Oska queria um filho... a história vai se desenvolvendo conforme o livro de Dimiter Inkiow que mostra o instinto maternal e o cuidado com a família. A história é surpreendente, vale a pena conferir.

Durante a apresentação da peça foram tocadas três músicas: Casatschok (dança do machado quando o mestre vai até a floresta em busca da madeira para a confecção das bonecas), Kalinka (as crianças vão visitar a boneca – 3 dançarinas russas e seus companheiros) e Korobushka (dança das bonecas Matrioska, Trioska e Oska, quando Oska pede um filho pra que ela possa cuidar).








Professores responsáveis por este projeto:

Tatiana Socreppa da Cunha: Traduçao da obra original, contação da história para os alunos, execução das lembranças para as mães, adaptação do texto e ensaio para o teatro.

Antonio Fernando Araujo: ensaio para o teatro e responsável pelas elaboração e montagem das coreografias e danças apresentadas. 

Ivete Raffa
Arte educadora e pedagoga
Formação de professores e Livros pedagógicos


Postagem 09 - "Arte Africana" - Colégio Canadá - Guarulhos - SP

Prof. Walkyria (Arte) e Marileide (Língua Portuguesa) - 7ºs, 8ºs e 9ºs anos.

Objetivo: Demonstrar uma nova forma de olhar a África, identificar seus valores culturais que tanto influenciaram e influenciam a Cultura Brasileira (música, dança, pintura, espiritualidade, etc).

Abayomi - boneca de nós

Material: TNT preto ou papel crepom impermeável (Novaprint), tecido (Chitão estampado), fita de cetim nº 01, guarda chuva (suporte), barbante e tesoura.





Modo de fazer:
a) Fale para os alunos sobre as bonecas que eram feitas pelas mães das crianças nos navios de escravos enquanto atravessavam o mar. 
b) Corte tiras de TNT ou papel crepom impermeável (preto ou marrom). Faça nós pra montar a boneca conforme imagem acima. 
b) Com tecido (Chita) ou crepom faça a roupa. Amarre a fita na cintura.
c) Pendure com barbante em sombrinhas para expor.

Africana feita em garrafa
Material: garrafa, jornal, Biscuit, Primer e Tinta PVA da Acrilex, tecidos, cola quente e tesoura.




Modo de fazer:
a) Fale com os alunos sobre a representação da figura humana das mais diferentes formas. b) Amasse o jornal para fazer a cabeça e o pescoço da boneca. Encaixe o pescoço no gargalo da garrafa e cole. Faça com biscuit os seios e braços da africana. Espere secar e pinte com Primer (2 demãos) e Tinta PVA ou Guache.
c) Com tecido faça o vestido e o turbante.


Africana feita com cabaça

Material: cabaça, papel mache , Primer, Tinta PVA ou Guache (Acrilex), pincel, tecido, cola quente e tesoura.


Modo de fazer:
a) Misture o Papel Mache conforme instruções da embalagem e faça bolinhas (cabeça e seios, cole na cabaça). Modele os braços e cole com cola quente. Espere secar.
b) Passe duas demãos de Primer, espere secar e pinte com Tinta PVA.
c) Pinte os detalhes (olhos, boca). 
d) Com tecido faça o vestido e o turbante.

Africanos feitos com garrafa
Material: garrafas, Biscuit preto, Crystal Cola e Cola branca (Acrilex), sisal, cola quente, rolha e tesoura.



Modo de fazer:
a) Converse com os alunos sobre a pintura corporal feita pelos negros nos rituais religiosos e festas.
b) Modele em biscuit as cabeças dos africanos e os braços. Cole no gargalo da garrafa.
c) Depois de seco, faça detalhes com Crystal Cola (várias cores).
d) Desfie o sisal e cole em volta da garrafa (vestimenta).
e) Com rolhas faça os atabaques nas mãos dos negros.


Carrancas feitas em troncos de eucalipto.
Material: tronco de eucalipto + ou - 20 cm de altura, papel mache ou biscuit, cola quente, Tinta PVA ou Guache da Acrilex e tesoura.



Modo de fazer:
a) Fale com os alunos sobre as carrancas que eram feitas para assustar maus espíritos e proteger os lugares.
b) Modele em papel mache ou biscuit orelhas, olhos, nariz e boca. Cole com cola quente no tronco. 
c) Depois de seco, pinte com Tinta PVA ou guache.

Mulher com turbante
Material: capa de caderno, papelão Paraná ou MDF, papel Colorset preto (Novaprint), Tinta Guache  ou Acrílica amarela (Acrilex), cola branca, tesoura e materiais alternativos (tecidos, botões, fios, barbantes, fitas, fuxicos, miçangas, entre outros).


Modo de fazer:
a) Converse com os alunos sobre as vestimentas africanas e o uso dos turbantes. Peça que pesquisem as estampas, os tipos de nós e amarrações para que eles criem os próprios turbantes.
b) Pinte a capa de caderno, papelão Paraná ou placa de MDF com a tinta amarela. 
c) Distribua um molde da cabeça de uma jovem negra. Peça que risquem e recortem no papel colorset preto. Cole sobre a placa ou papelão pintado.
d) Peça aos alunos que criem turbantes com materiais alternativos (tecido, miçangas, botões, fios, etc).

"Meninos em Guerra" - Maquete
Material: jornal, EVA, tronco de eucalipto (+ ou - 35 cm), fotos mostrando a realidade de meninos treinados para guerrear na África, cola branca, Tinta Guache ou Acrílica (preto, marrom e verde), tesoura e cola quente.


Modo de fazer:
a) Nesta atividade a professora de Língua Portuguesa (Marileide) pediu aos alunos que lessem o livro "Meninos em Guerra". Este livro mostra a guerrilha de crianças na África. Na aula de Artes com a prof. Walkyria os alunos montaram uma maquete da parte que mais chamou a atenção da classe. Faça o mesmo com os seus alunos, é um aprendizado inesquecível.
b) Peça que os alunos, depois de lerem o livro, se reúnam e façam os personagens da história usando jornal (rolinhos para o corpo e bolinha de jornal amassado para a cabeça). Pinte com tinta Acrílica ou Guache.
c) Com o tronco de eucalipto jornal e EVA faça árvores e, com criatividade, os alunos vão representando outros elementos para compor uma cena do livro de forma tridimensional. Complete com as fotos.

Pintura e Decoupage sobre MDF
Material: placa de MDF quadrada ou retangular, tinta Acrylic Colors cores quentes (Acrilex), pincel, cola branca, estampa africana em guardanapo e papel colorset preto, tesoura.


Modo de fazer:
a) Fale com os alunos sobre os céus africanos, as savanas, animais, etc. e peça para representarem artisticamente um desses lugares.
b) Pinte a placa de MDF com a tinta Acrylic Colors (cores quentes).
c) Recorte os motivos africanos dos guardanapos de papel e cole sobre a pintura ou recorte girafas, troncos, árvores em papel colorset preto e cole sobre o MDF para compor uma cena africana.

Elefantes - Pontilhismo
Material: placa de MDF, Tinta Acrílica amarela, Crystal Cola Brilliant e Metalica (Acrilex), cola branca, papel colorset preto e tesoura.


Modo de fazer:
a) Converse sobre os elefantes, o significado deles para os africanos e os enfeites que são colocados neles.
b) Recorte os elefantes em papel colorset preto e com Crystal Cola colorida atrabalhe o pontilhismo. Cole-os na placa pintada de MDF.

Máscaras africanas
Material: coco serrado pelo meio (casca), sisal desfiado, cola quente, Tinta Guache (Acrilex) e tesoura.


Modo de fazer:
a) Peça aos alunos para trazerem imagens de máscaras africanas. Converse sobre elas. Toda a simbologia que elas trazem, os desenhos, tipos, etc.
b) Pegue a casca do coco e pinte linhas e formas sobre ela (olhos, boca, nariz, sobrancelhas). Coloque sisal desfiado em toda a volta. Cole com cola quente.

Pintura em prancha de madeira
Material: prancha de madeira, Base branca para artesanato, Tinta Acrílica Brilhante (várias cores), Tinta Dimensional (preta) - Acrilex,  pincel.


Modo de fazer:
a) Peça aos alunos que pesquisem os desenhos que são usados nas pinturas e vestimentas africanas. Peça para criarem um desenho para ser pintando numa prancha de madeira (trabalho em grupo).
b) Passe uma demão de Base branca para artesanato e deixe secar.
c) Os alunos deverão transferir o desenho para a prancha e iniciar a pintura. Cada aluno vai pintando uma parte. Por último, deverão fazer os contornos com a Tinta Dimensional preta.

Pintura africana em telha
Material: telha paulistinha com dois furos na parte mais fina, Base branca para artesanato, Tinta Acrílica, PVA ou Guache, Verniz Acrylfix (Acrilex), pincel e cordinha fina.



Modo de fazer:
a) Proponha aos alunos uma pesquisa no computador das obras de arte que mostram as mulheres africanas. Peça que, inspirados nessas pinturas, criem o desenho de uma africana.
b) Peça que passem uma demão de Base branca para artesanato. Depois de seca essa base, os alunos deverão transferir o desenho que criaram para a telha.
c) Pintar com Tinta Acrílica, Tinta PVA ou Guache. Depois de seca, passe uma demão de Acrylfix para proteger.

Obs: Os trabalhos foram feitos pelos alunos do Colégio Canadá de Guarulhos pelas professoras Walkyria (Arte) e Marileide (Língua Portuguesa) com os alunos dos 7ºs, 8ºs e 9ºs anos. A duração do projeto foi de 3 meses.

Ivete Raffa
Arte educadora e pedagoga
Formação de professores e Livros pedagógicos


Postagem 08 - "Bandeirinhas" - Volpi - E. M. E. B. Prof. Modesto Bohrer - Taquaritinga  - SP

Prof. Rosangela Rebech - Alunos do 3º ano


Material: fotos dos alunos, tampas de caixas de sapatos, papel Ecocores da Novaprint, Crystal Cola, Cola Glitter, Cola colorida e cola branca da Acrilex, tesourinha.


Modo de fazer:
a) A professora passou dois vídeos aos alunos sobre Volpi (youtube) onde conheceram a vida do artista e suas obras.
b) Foi escolhida a obra "Bandeirinhas" para se fazer a Leitura Formal e Interpretativa. Relembraram conteúdos já conhecidos (pontos, linhas, formas e cores) e aprenderam outros (estética, composição, proporção, entre outros).
c) As crianças, munidas do novo conhecimento pasaram a fazer releituras da obra inspirados no livro "Fazendo Arte com os Mestres II" de Ivete Raffa
d) Utilizaram inúmeros materiais expressivos e várias técnicas.


Postagem 07 - "O Balão" - Paul Klee - EEF Engelberto Grossi - São Bento do Sul - SC - Prof. Marilei Gonçalves - Alunos do 8º ano.


Material: balão (bexiga), jornal, cola branca, Tinta Guache, Plástica, PVA ou Acrylic Colors, pincel, barbante, tesoura  e embalagem plástica (cestinho).

Modo de fazer:
a) Fale com os alunos sobre o artista Paul Klee. Mostre as obras, fale de sua vida e a influência de outros pintores na sua trajetória de criação.
b) Escolha a obra "O Balão" e faça a leitura formal e interpretativa com eles.
c) Peça aos alunos que encham uma bexiga e amarrem a ponta para que o ar não saia.
d) Rasgue tiras de jornal e vá colando sobre a bexiga. Cole de quatro a cinco camadas de jornal. Deixe a parte inferior sem jornal para poder colar os barbantes.
e) Espere secar por dois dias. Depois passe uma demão de base branca (pode ser guache, acrílica ou outra tinta que tiver).
f) Pinte com linhas, formas, pontos. Utilize Tinta Guache, Tinta Plástica, PVA ou Acrylic Colors. Pinte também o cestinho (embalagem de iogurte ou copinho plástico).
g) Cole quatro pedaços de barbante unindo o cestinho ao balão.
h) Coloque um fio de nylon na parte superior e pendure no teto todos os balões , cada um numa altura.
i) Converse com os alunos sobre o que aprenderam, sobre volume, tridimensão e possibilidades que essa atividade proporciona.








Ivete  Raffa

Arte educadora e pedagoga



Postagem 06 - "Gatos" - Aldemir Martins - EEF Engelberto Grossi - São Bento do Sul - SC - Prof. Marilei Gonçalves - Alunos do 6º ano.


Material: sucatas (embalagens de shampu, garrafinhas vazias), Papel Mache Acrilex, Tinta Plástica, Guache, Acrylic Colors ou PVA, pincel, Crystal Cola preta Acrilex.

Modo de fazer:
a) Fale aos alunos sobre Aldemir Martins, pintor brasileiro muito respeitado. Mostre as obras e converse com os alunos sobre os temas que o artista retratava, as cores, as técnicas utilizadas, o desenho das figuras, etc.
b) Escolha a obra "Gatos" e faça a leitura formal e interpretativa.
c) Peça aos alunos que releiam a obra tridimensionalmente utilizando sucatas e papel machê. Deixe secar e pinte com Guache, Tinta Plástica, PVA ou Acrylic Colors.
d) Faça os contornos com Crystal Cola preta.
e) Junte os gatos para reler a obra.
f) Converse com os alunos sobre a transformação da obra de bidimensional para tridimensional.








Ivete  Raffa

Arte educadora e pedagoga



Postagem 05 - ""O Menino do Balanço" -  Portinari - EEF Engelberto Grossi - São Bento do Sul - SC - Prof. Marilei Gonçalves - Alunos do 5º ano.


Material: caixa de sapatos, papel de presente, papel crepom, galho seco, cola branca, tesoura, desenho de um menino, lápis de cor e barbante.

Modo de fazer:
a) Conhecer as obras de Portinari nas usas diferentes fases de pintura. conhecer a vida de Portinari, seu estilo e temas escolhidos para retratar.
b) Fazer a leitura formal e interpretativa da obra "O Menino do Balanço".
c) Fazer a releitura tridimensional utilizando os materiais acima,
d) Encape a caixa por fora e por dentro com papel de presente. Com galhos secos represente a árvore. Cubra-a com papel colorido. 
e) Com lápis de cor pinte o menino. Recorte.
f) Faça o balanço com barbante e cole o menino sentado nele.
g) Exponha os trabalhos para apreciação da classe, da escola e da comunidade.









Ivete  Raffa
Arte educadora e pedagoga

Postagem 04 - "Mandalas" - EEB Irmã Felícitas - Canoinhas - SC

Prof. Giovana Gevieski - EM

Material: tampa de pizza de papelão, tesoura, cola branca, grãos e temperos (pimenta, coloral, sal, orégano, etc).

Modo de fazer:
a) Estudar / Relembrar pontos, linhas, formas, simetria e cores.
b) Pesquisar as mandalas , seu significado e raízes.
c) Os alunos do Ensino Médio da Escola EEB Irmã Felícitas de Canoinhas - SC, orientados pela professora Giovana Gevieski, recortaram círculos nas tampas de pizza e, utilizando pontos, linhas e formas com simetria, criaram a própria mandala.
d) Separar diferentes tipos de grãos e temperos.
e) Passe cola branca Acrilex (boa quantidade) sobre uma forma e preencha com os grãos que escolher, depois outra forma, outra, até preencher toda a mandala.
f) Junte as mandalas, exponha para a escola e converse com os demais alunos sobre as mandalas.








Ivete  Raffa
Arte educadora e pedagoga



Postagem 03 - "Releitura de imagem real" - Escola Rudolfo Guinter - Gaspar - SC.

Prof. Edir Macedo Bittencourt - 4º e 5ºs anos.

Material: tela ou pedaço de papelão com uma demão de base branca), Crystal Cola, Tinta Guache da Acrilex e pincel.

Modo de fazer:
a) Estudar / Relembrar pontos, linhas, formas e linha do horizonte. Observar uma imagem. 
b) Os alunos eos 4º e 5ºs anos da Escola Rudolfo Guinter, do Bairro Gaspar Alto em Gaspar - SC, orientados pela prof. Edir Macedo Bittencourt, saíram da sala de aula e observaram a imagem ao redor da escola. Escolheram a casa abaixo e fizeram a pesquisa sobre ela. Descobriram que ela foi feita há 146 anos, que já foi restaurada mas está precisando novamente de restauração.
c) Cada aluno, munido de papel branco, gramatura 180, preso em uma prancheta, fez um desenho da casa.
d) Voltando pra sala, pintaram o desenho utilizando Tempera Guache da Acrilex.
e) Os resultados foram compartilhados com toda a escola onde muitas pessoas passavam pelo local todos os dias mas não tinham dado importância à beleza e a história da casa retratada.





Ivete  Raffa
Arte educadora e pedagoga

Postagem 02 - "Páscoa" - Colégio Renovação - Vitória - ES

http://www.iveteraffa.blogspot.com.br/2016/03/arte-nas-escolas-colegio-renovacao.html

Professora Elizete Santos, a Tia Lili.




Ivete  Raffa
Arte educadora e pedagoga


Postagem 01 - "Boi Bumbá" - Colégio Renovação - Vitória - ES

Professoras: Elizete Santos, a Tia Lili e Tia Valéria




Ivete  Raffa
Arte educadora e pedagoga

Um comentário:

  1. Gostei muito das atividades e dos grandes mestres da arte.Parabens!Sou professora de artes, mas tenho muita dificuldade de realizar atividades em sala, pois os alunos não tem interesse e não trás material básico e necessários as aulas.

    ResponderExcluir